Google+ Pictuelle Photography: 2012: o que diz o calendário Maia?

31 de dezembro de 2011

2012: o que diz o calendário Maia?

As verdades e os segredos deste novo ano estão revelados. Como e quando o mundo acabará?

Muito se fala sobre 2012, ano que talvez tenha sido um dos mais temidos de todos, fato que o fez também um dos mais comentados de todos os tempos.

O temido 2012 se aproxima.

 

2012

“O fim está próximo!” foi a frase que comoveu o mundo e que tornou 2012 um ano indesejável para muitas pessoas. Para a crença popular, o fim do mundo será em 2012. Mas esta história já existe há muitos e muitos anos. E porque só de 2009 para cá ganhou tanto destaque e foi tão comentado?
Certamente os meios de comunicação que hoje estão mais rápidos e acessíveis que nunca tiveram uma grande influência na popularização do catastrófico fim do mundo.

A influência midiática

2009: Produtores interesseiros e oportunistas cheios da grana resolvem ganhar dinheiro a partir de uma grandiosa produção de cinema que “prevê” como possivelmente será o fim. Foram gastos US$ 200.000.000 (duzentos milhões de dólares) na produção de todo o filme. A maior parte do dinheiro aplicado foi para tornar a longa o mais sensacionalista possível, coisa que deu retorno e apenas endinheirou ainda mais os responsáveis pela trama.
O filme tentar abalar o maior número possível de pessoas, de todos os países, de todas as cores. Mostra até mesmo o Cristo Redentor desmoronando com a chegada do fim. Mas o mais interessante de tudo, é que o filme diz sobre o possível fim do mundo, mas na longa metragem o mundo simplesmente não acaba, pois uma pequena população americana consegue embarcar em barcos gigantes, capazes de suportar milhares de pessoas, especialmente equipados para suportar as catástrofes, contendo tecnologia de ponta e praticamente autônoma.
Para completar, ainda foi criado um site pelo próprio estúdio do filme, que era fictício, mas foi levado a sério por muitas pessoas.

Política, religião e ciência e o fim do mundo em 2012

Há uma grande diversidade cultural ao redor do mundo. Uns são mais política, outros mais religião e outros completamente ciência. Eis os únicos meios (espero) que podem resultar no fim do mundo. Mas como cada um pode interferir na decisão final?
Política: a  política talvez seja uma das mais preocupantes causas do fim do mundo. A política pode acabar com tudo agora mesmo. Basta um presidente (ou nem isto) que esteja meio deprê para resolver pôr em ação a função das bombas atômicas e acabar com tudo.
Religião: Existem várias versões religiosas que tentam explicar o fim do mundo. Uma das mais aceitáveis em todo o mundo provém do livro sagrado cristão, onde consta que Jesus tornará ao mundo dos pecadores e levará ao Reino de Deus aqueles que bem merecerem. E assim cessará o ciclo de vida na Terra, provavelmente.
Ciência: É difícil falar da ciência em geral, pois há muitos cientistas, cada um com suas maluquices, e muitas possibilidades, pois tratando-se de natureza tudo é possível. Mas vamos diretamente à grande, à poderosa e à rainha das galáxias: NASA. Segundo a Agência Espacial Americana, os boatos sobre 2012 e o filme feito sobre o “falso” futuro acontecimento catastrófico são uma grande bizarrice, e elegeu o filme mais absurdo de ficção científica. Depois deste comentário fica evidente o que a agência pensa a respeito de tudo isto.
Mas a voz da NASA não é a voz de Deus e nem do povo. Por isso, ainda há muita gente apostando suas cabeças, pensando nas bombas atômicas, travessia na corda bamba de um precipício ao outro… É agora que vemos a criatividade das pessoas e a capacidade de nossos cérebros.

O calendário Maia

Só há dois suspeitos de terem causado esta repercussão no mundo devido ao seu fim. Suspeito um: Eva. Suspeito dois: o calendário Maia. O mais provável é o calendário Maia, que foi feito há muitos e muitos anos atrás e que conta os anos até 2012. O calendário era esculpido em pedras e, obviamente não podia conter todos os dias de todos os anos. Então, o ano limite deste calendário é 2012, o que muitos interpretam como “o fim do mundo”.Calendário MaiaImagem creditada ao site Dois Mil e Doze.
Esta é toda a verdade sobre 2012. O único segredo que não conseguimos desvendar é se o mundo realmente acabará em 2012, pois para a natureza, como já foi dito nada é impossível. Mas o dito mais aceitável é que nada acontecerá com o nosso velho e querido mundo, a não ser que aquele político deprê ainda não tenha esquecido as bombas.
À vocês, o meu feliz ano novo!