Google+ Pictuelle Photography: Dona Frase

15 de dezembro de 2012

Dona Frase

Era uma vez uma frase que gostava de criar homens
Homens do lado do avesso: sujeito atrás, predicado primeiro.
Mas mal sabia a Frase que boa não era ela nisso,
Pois toda vez que tentava virar algum homem do avesso,
Confusão fazia, do fim ao começo.

Ninguém entender conseguia
O que dona Frase dizer queria.
Se dona Frase dizia “quero um presente”,
Logo a aparecia uma dor no dente.

Dona Frase tinha um enorme, imenso armário
Onde guardava coisas que entendiam ao contrário.
Lá dentro guardou a geleia, ao ver a centopeia.
Lá dentro guardou a baleia, ao procurar pela meia.
Tinha até um outro armário bem no fundo do armário
Que dona Frase ganhou, namorando um tal de Mário.

Pobre, pobre dona Frase.
Pensam que seu nome é Crase.
Entendem nunca a coitada.
Acham que caiu da escada
E que está toda enfaixada.

A simpática Frase visitei um dia desses,
E batemos longo papo, durou horas ou até meses.
Contou-me ela, tagarela, que ninguém nunca a entende.
Dona Frase as palavras muda propositalmente
Para mostrar pra todo mundo que é legal ser diferente.

Frase agora dança, faz piruetas como o vento,
Porque eu a disse assim: “Agora a entendo.
E entende você também quem o poema está lendo.”


Nota do autor

Esta  poesia é para as crianças, mas espero tanto os crescidos quanto os que estão a crescer se divirtam com ele.

Para mim, esta é uma das minhas obras mais legais. E fazer coisas para crianças realmente parece ser legal, pois já descobri vários autores renomados que adoram publicar obras infantis. Um deles é Stephen King, autor de livros que vão desde suspenses como “O iluminado” (também há o filme, considerado um dos mais aterrorizantes) a infantis, como “O homem que amava caixas” (que foi publicado aqui no Pictuelle como uma recomendação de leitura).

Não postei por longos dias, sei. Mas para compensar, estou preparando coisas de ótima qualidade para vocês, Elles. No pacote de coisas-de-ótima-qualidade estão inclusos fotografias e histórias, mas sem mais detalhes.

Frase de hoje: consegui fazer poema com uma frase, e estou contente por isso. (Invencionice minha.)
Humor: Una locura só! Smiley mostrando a língua