Google+ Pictuelle Photography: As verdades que não disseram

23 de junho de 2013

As verdades que não disseram

Uma postagem sobre o que todos deveriam saber sobre as manifestações que ocorrem em nosso Brasil, vistas por um ângulo crítico e sensato.

Um movimento pacífico, ponto.

O Movimento Passe-livre, segundo o próprio organizador do movimento, concluiu seu objetivo no Rio de Janeiro com a queda do preço das passagens de ônibus novamente. Sendo assim, irão incentivar o movimento em outras cidades agora.

Porém, um movimento simultâneo ao Passe-livre ocorre. Um movimento com muitos motivos e que quer um Brasil melhor.

Os vândalos são pouquíssimos. Há pessoas que pensam serem muitos, mas isso é o que a mídia comprada fala pra você. Ficam 30, 40 minutos falando de baderneiros, e 5 falando da real manifestação. Deveria ser o contrário, falando-se em proporções.

O movimento não perdeu motivos

Muitos dizem que o movimento perdeu seus motivos. NÃO. Isso é o que a mídia mafiosa fala (Globo, Veja…). Eles jogam as ações do movimento umas contra as outras.

COMO ASSIM? Estas emissoras de televisão, jornais e revistas dizem haver uma minoria de vândalos e uma maioria protestando pacificamente. Daí passam durante muitos minutos as ações da polícia contra a população e por poucos minutos dedicam-se a passar imagens sobre os VERDADEIROS MANIFESTANTES, que são milhões em todo o Brasil.

Dessa forma você fica confuso com maior facilidade. Claro! E já que muitas emissoras são “compradas” por políticos, vão fazer o possível para enfraquecer o movimento, fazendo VOCÊ pensar que o movimento não é bom, nem tem motivos.

Qualquer manifestação popular tende ao esquerdismo!

Observe a imagem que preparei a este post. Para aumentar a imagem, clique sobre ela.

O mais importante é a definição do comunismo e do socialismo, mas a leitura geral será mais esclarecedora.

Esquerda e direita


A manifestação é um pouco esquerdista, uma vez que todos estamos protestando com o mesmo objetivo. Digamos que, no gráfico, o movimento ainda estaria na parte azul, porém mais pra esquerda e mais próximo da parte vermelha e amarela que o capitalismo, pois há uma preocupação de todos nós com o Brasil neste movimento. A manifestação não é algo que ocorre ao modo “cada um por si” defendido pelo capitalismo.

Não queremos transformar o Brasil em um país socialista! É diferente!

Esquerdismo não é partido político!
Não mesmo! É apenas um conjunto de ideias que defende a igualdade entre classes (todos trabalharem juntos pela nação, e sem um ser mais pobre que o outro) e viver em uma real sociedade, na qual todos tomam as decisões juntos.
símbolo do socialismo
O Partido Socialista Brasileiro (PSB), por exemplo, gosta das ideias esquerdistas que, para eles, seriam o melhor para o Brasil. O PSB é um partido de esquerda, mas esquerdismo é apenas um conjunto de ideias que eles seguem.

Por tanto, por favor não vandalizem as bandeiras com o símbolo do esquerdismo, pois não é um partido político. Pelo contrário, este é o símbolo que mostra a força do povo unido! (Símbolo ao lado)

Devemos continuar manifestando!
Exatamente! O povo tem mais força que qualquer grupinho de políticos. Com essa força, podemos obriga-los a construírem um Brasil do jeito que NÓS queremos, não do jeito que eles querem. Afinal, quem manda no Brasil somos nós.

O Brasil que nós queremos

Estradas que nós queremosEstradas que nós queremos. Imagem daqui!

É o Brasil que nós vamos construir, sem pobreza, com estradas em ótimo estado, com hospitais limpos e com quartos suficientes, sem pessoas morrendo abandonadas pelos cantos. Uma boa escola, sem que seja preciso pagar por isso, para que no futuro sejamos uma nação que sabe administrar seus recursos naturais para nosso próprio benefício.

O Brasil que nós temos

Hospitais que nós temosHospital público. Imagem daqui!

É o Brasil que nos deram, com pessoas morrendo de fome nas ruas, morrendo porque não tiveram bom estudo nas escolas públicas e acabam no mundo das drogas (às vezes sem saber do quão prejudiciais elas são pela ignorância). Temos escolas em que os professores são mortos. Temos pessoas atirando nas outras, e que são capturadas pela polícia e soltas em seguida. Temos a impunidade. Temos a falta de justiça e as lágrimas das famílias que perderam quem tanto amavam.

Temos os políticos ganhando muitíssimo bem, seguros em suas casas quentes e confortáveis, com fartura de comida na geladeira, com plano de saúde para receber os melhores tratamentos médicos, com carro do ano, ou até helicóptero e jatinho, para não ter que andar nas estradas esburacadas.

E quando os políticos olham pela janela de luxuosas suas casas veem um Brasil pobre, injusto. E o que eles fazem? Fecham as cortinas e vão pra frente da TV.

Cuidado, a próxima vítima do Brasil que nós temos pode ser você.
Então aja.