Google+ Pictuelle Photography: Soneca

4 de dezembro de 2013

Soneca

Dachshund, Teckel, Cofap, Salsichinha brincando

Flickr it!

Olá,
Apresento-lhes Maggie, minha cachorrinha. Muito sapeca, por sinal. Aqui retrato um de seus momentos mais calmos, pois está sonolenta.

Além de sapeca, é muito inteligente. Já sabe sentar, pegar a bolinha quando mandamos, esperar Maggie Simpsonsentada para que sirvamos sua refeição… Apesar disso, não se importa com o lugar que vai lambuzar, se me entendem. Hahaha…

Seu nome veio à tona enquanto assistíamos a Os Simpsons, quando notamos que o nome da filha mais nova da família era perfeito para cachorrinhas.

Sua raça é Dachshund (fala-se "Daks-hand", por ser alemão) , também chamada Teckel. Aqui no Brasil, comumente são chamados de “Linguicinha”, “Bassê”, “Salsicha”, ou até “Cofap”, devido à propaganda da marca de amortecedores Cofap.

Perigosos?

Sendo conhecidos como ótimos cães de guarda, os Dachshunds recebem muitas opiniões divergentes quanto ao temperamento. A Universidade da Pensilvânia, nos EUA, considerou a raça como a mais feroz do mundo, ganhando até dos Pit bulls. Isso foi uma surpresa para mim, que descobri enquanto lia o blog A veterinária blogueira, escrito por Mariana, a quem agradeço pelas informações.

O estudo levou em conta que um em cada cindo cães da raça já tentou atacar alguém, e um em cada 12 tentou atacar seu próprio dono.

Mas afirmo: ferozes, sim. Perigosos, não. A Maggie, por exemplo, estranha objetos desconhecidos e pessoas, late para eles e tenta atacá-los, mas devido ao seu porte jamais será um animal perigoso.

Ótimos para apartamento

Sem dúvidas uma das melhores opções para quem quer um pet mas mora em apartamento é um Teckel. A raça é muito silenciosa e, como já dito, só late em situações que fujam da normalidade.

Curiosidades

  • É importantíssimo fazer os Dachshunds exercitarem-se diariamente, pois são propensos à obesidade.
  • Gostam muito de morder, então brinquedos silenciosos são uma excelente opção para se distraírem.
  • Adoram farejar e cavar. Portanto, vai um aviso: se gosta de seu jardim, não os deixe sozinhos nele.
  • São fiéis aos donos e protetores.
  • Banhos a cada duas semanas caem bem.

    Receita da foto Dados EXIF

    Exposição: 1/200 s
    Abertura: f/7.1
    Distância focal: 42 mm
    ISO: 100